Pular para o conteúdo
Início » Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar

Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar

O Craftcore é uma tendência que retoma o uso de peças artesanais como o crochê, o tricô e os bordados. Por isso, se tornou super querida

O que é Craftcore?
Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar

Primeiramente, você sabe o que significa Craftcore? Antes de mais nada, vale destacar que Craftcore é uma tendência que veio para retomar o uso de peças artesanais como o crochê, o tricô e os bordados. E claro, ela veio para ficar em 2021!

O ano de 2020 foi de muitas mudanças, em todos os sentidos. O “feito à mão” já era uma tendência em anos anteriores e com a pandemia, de modo geral, muitas pessoas viram a necessidade de se ocupar, recorrendo aos tutoriais de técnicas manuais e outros hobbies para praticar em casa.

Afinal, em um mundo altamente digital, com superproduções, muita tecnologia e correria, as pessoas passaram a procurar refúgios e pausas desse fluxo intenso dentro das redes sociais. E em um mundo de fast fashion, o retorno de uma moda mais sustentável e diferente se torna algo quase inimaginável. Mas, calma é possível.

Tanto é que o Craftcore já viralizou entre as passarelas e as celebridades. Justamente por ser uma tendência única, artesanal e caseira. Por isso, o ano de 2021 será marcado por peças artesanais, como o crochê, tricô, tapeçaria e acolchoado.

Venha conferir o que é essa tendência Craftcore que está bombando no momento.

Quando o Craftcore surgiu?

O que é Craftcore?
Fonte: We Fashion Trends – Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar

Sobretudo, essa tendência já está sendo notada desde 2018. Desde 2018, as marcas estão procurando trazer de volta o processo manual. Além de, trazer a tona uma moda mais consciente e sustentável. Contudo, a geração Z foi a responsável por acelerar essa tendência entre o mundo fashionista.

Inclusive, a grande influenciadora disso tudo, foi a tendência do “tie dye”, a qual invadiu vários looks de home office e nos distraiu nesses meses de isolamento. Logo após, eles repaginaram novamente essa tendência de moda artesanal. Aí foi a vez de voltar com tudo com o tricô.

Basicamente, o tricô, o qual inclusive, era visto como “roupa de vó”, por muitos, passou a ser tendência de muitas marcas de roupas. Em seguida, foi a vez do bordado, o qual começou a despertar o interesse em pessoas que queriam peças únicas, exclusivas e com muita personalidade e estilo.

Enfim, essas peças fizeram com que as grandes marcas notassem ainda mais a importância de trazer produtos feito a partir de técnicas artesanais. Ah e claro, é importante destacar que esse resgate de técnicas e uma estética artesanal não é ocasional.

Na verdade, tudo é reflexo de todo o nosso comportamento e cultura pós pandemia. Ou seja, após esse período de isolamento, muitos de nós procuramos se conectar mais com o manual, com o toque e com sentimento de acolhimento. Justamente como forma de fugir desse meio de industrialização e tecnologia.

O que é o Craftcore?

Craftcore: tendência do artesanato
Fonte: Steal the look – O que é Craftcore?

A proposta do Craftcore é trazer de volta a moda manual, artesanal e caseira. Por isso, eles tem como ideia principal roupas feitas à mão, roupas recicladas e roupas produzidas com materiais que já foram descartados. Ou seja, a proposta do Craftcore une a sustentabilidade e o consumo consciente.

Essa tendência busca, não apenas valorizar o trabalho artesanal, como também promover o upcycle. Ou seja, promover a reutilização de peças e materiais já utilizados antes, diminuir a quantidade de lixo têxtil e de roupas descartáveis feitas em grande escala.

Enfim, o reaproveitamento e o Craftcore andam juntos, como vocês já devem ter percebido.

Craftcore na prática

Craftcore - Tendência para artesanato
Fonte: We Fashion Trends – Repaginando com um bordado Craftcore

Como já explicamos, o Craftcore ressurgiu durante o período de pandemia. Pois, durante esse período diversos estilistas tiveram que olhar para dentro e redescobrir novas formas de expressar as suas ideias e novidades a partir de roupas já existentes.

Seja repaginando com um bordado, tingindo de maneira caseira ou unindo um tecido ao outro (patchwork). Ou seja, reaproveitar é a palavra da vez.

Ah, e a importância dessa trend também não fica apenas na moda e na decoração. Aliás, o Craftcore teve grande importância em nossa rotina, pois ela se tornou uma alternativa terapêutica para controlar a ansiedade e usar a criatividade.

No Brasil, está se vestindo o Craftcore?

Craftcore: tendência do artesanato
Fonte: Steal the look – Investindo no Craftcore

Claro que essa tendência chegou no Brasil. Ou você achou que ficou só com o cantor Harry Styles?

Inclusive, o nosso país já é conhecido mundialmente pelos trabalhos manuais de artesãos e esse sempre foi um grande diferencial da moda brasileira. Mas, claro agora o Craftcore tem protagonizado as passarelas com mais frequência, como foi o caso da última edição da São Paulo Fashion Week.

Looks de Craftcore

Craftcore: tendência do artesanato
Fonte: Steal the look – Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar
Craftcore: tendência do artesanato
We Fashion Trends – Craftcore: tendência do artesanato que veio para ficar

O que acharam dessa nova tendência?

Vem conferir mais uma matéria do Blog: Color Blocking- O que é essa nova tendência e como usá-la?

Fontes: We Fashion Trends, Steal the Look, Zanotti, Garota te Conto Tudo, Blog.Elo7

Emilly Krishna em blogbeyou
Meu nome é Emilly Krishna, tenho 23 anos, nasci em Caldas Novas, mas moro atualmente em Goiânia.

Sou formada em Jornalismo desde o final de 2019, e atualmente trabalho com a parte de assessoria de comunicação e como social media para mais de 10 marcas.

Sou viciada em café, amo animais e cachoeiras. Gosto de ser leve, apesar do meu jeito "nervosa de ser". Sou geminiana com ascendente em câncer, E não sou duas caras, como vocês gostam de taxar os geminianos. Ás vezes bipolar e muito chorona kekek.

Sou sonhadora, determinada, trabalhadora e amo praticar atividade física. E claro, sou a idealizadora de todo o universo Be You.
Emilly Krishna

Deixe um comentário